sábado, 21 de abril de 2012

Convite boca de Porco

 O pré-candidato a vereador Collar,convida uns poucos boca-de-porcos que restam,para uma turnêr nos sítios amanhã pra comer as boias do povo!

Agripino recusa candidatura a vereador.

O popular Agripino,recentemente recusou a candidatura a vereador mesmo com o apoio do prefeito de Santa Cruz,Toinho do Pará (Toinho do cunhão roxo) apenas disse que não era possível concorrer com veinho.

                                                          
                                                              Galinha não gostou da idéia

Vem cá Léo,vice prefeito.

                                   Undulating_fat

Sujou: Governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, é indiciado em 3 inquéritos policiais



O governador da Paraíba, Ricardo Vieira Coutinho, foi indiciado em três inquéritos policiais, conforme dados do site do Tribunal de Justiça da Paraíba, sendo eles os de números: 200.2010.037.789-0/001, 999.2012.000.441-4/001 e finalmente o de número 999.2012.000.373-9/001, que se encontra sob vista do procurador geral de Justiça.
O inquérito mais recente foi instaurado em 27 de janeiro deste ano e desde que tomou conhecimento do caso o ClickPB tenta obter informações sobre a natureza do inquérito, tanto junto a Justiça, quanto no governo do estado, mas até agora nenhuma resposta foi enviada a nossa equipe.
Os relatores dos inquéritos são os desembargadores, Carlos Martins Beltrão Filho, João Benedito da Silva e Arnóbio Alves Teodosio.
Outro questionamento importante é qual o motivo destes inquéritos ainda estarem na esfera estadual, já que o governador tem foro privilegiado e deveria ser julgado pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça).

CACHOEIRA DIZ QUE VAI “MATAR A PAU” NA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL


Época tem acesso a diálogos em que o bicheiro comemora nomeação e contratos milionários com a CEF. Procurada pela reportagem, o banco afirma que vai abrir processo para apurar o caso
 
Carlinhos Cachoeira
Época teve acesso com exclusividade a diálogos gravados (ouça os áudios abaixo) que mostram como a turma do bicheiro Carlinhos Cachoeira atua para conseguir negócios milionários com a Caixa Econômica Federal. Em uma conversa gravada pela Polícia Federal, em 14 de abril de 2011, o empresário Cláudio Abreu, então diretor da Delta Construções para o Centro-Oeste, diz, aos gritos, para Cachoeira que eles haviam ganhado um grande contrato com a CEF: a construção em Brasília do Centro Tecnológico da Caixa, uma obra no valor de R$69,7 milhões.
Cachoeira também tinha uma boa notícia para dar para o parceiro Cláudio Abreu. Ele diz que “a Marise” é a nova superintendente da Caixa Econômica em Goiás. Segundo Cachoeira, Marise havia sido indicada por Marcelo Limírio, do laboratório NeoQuímica, também sócio de Cachoeira. “Marise” é Marise Fernandes de Araújo, uma funcionária de carreira que assumiu a Superintendência da CEF 20 dias depois da conversa entre Abreu e Cachoeira. “Vou levar ela aí para você conhecê-la”, diz Cachoeira. Cláudio Abreu diz que é importante: “Sabe por quê? As obras de saneamento aí do PAC em Catalão, que nós vamos fazer. Isso tudo vai depender da superintendência”, afirma Abreu. Sete meses depois desse diálogo entre Cachoeira e Abreu, a empresa Delta foi contratada, no dia 22 de novembro de 2011, para fazer obras de saneamento em Catalão. Valor do contrato: R$ 25, 1 milhões. 
Entenda as denúncias do Caso Cachoeira
Numa terceira conversa gravada, na noite de 14 de abril de 2011, Cachoeira e Abreu voltaram a falar sobre o contrato para a construção do centro tecnológico da Caixa. “Carliiiinhos, que vitória lá em Brasília! Essa obra da Caixa. É o edifício digital da Caixa”, diz Abreu, vibrando. “Excelente, Cláudio! Excelente”, diz Cachoeira. “Isso para nós vai ser muito bom. Vamos fazer um negócio bacana, bonito, show de bola”. Carlinhos Cachoeira também se empolga: “Vamos matar a pau, Cláudio, matar a pau”. 
A Caixa afirma que a Delta Construções venceu uma licitação, na qual cumpriu todos os requisitos técnicos e legais e não sofreu qualquer tipo de contestação. Mas, diante das gravações feitas pela Polícia Federal, a diretoria da CEF determinou uma avaliação sobre os procedimentos adotados na licitação. “A Caixa, em respeito à transparência dos atos da administração, embora não tenha verificado nenhum procedimento em desacordo com os aspectos legais que orientam a contratação, instaurará processo de análise preliminar para rever todos seus aspectos, assim como solicitará uma auditoria no processo”, afirma a CEF, em nova enviada aÉpoca.
Quanto às obras de saneamento em Catalão – ampliação do sistema de esgotamento sanitário da cidade –, a Caixa diz que a responsabilidade pela licitação e a contratação da Delta é da prefeitura. Segundo o banco, a Caixa atua apenas como repassadora de recursos. Quem assinou o convênio foi o Ministério das Cidades. Em relação à nomeação da funcionária Marise Araújo para a superintendência em Goiás, a Caixa diz que ela entrou no banco em 1981 e, em todos esses anos no emprego, não há qualquer registro que desabone sua carreira.
As conversas entre Cláudio Abreu e Carlinhos Cachoeira no dia 14 de abril de 2011
Às 16h59, Cláudio Abreu diz a Carlinhos Cachoeira que ganhou uma obra de R$ 70 milhões na Caixa. A conversa é interrompida para Cláudio atender um prefeito.
Pouco depois, Cachoeira e Abreu voltam a conversar. Cachoeira diz que também tem uma boa notícia: a nova superintendente da Caixa foi indicada por Marcelo, da NeoQuímica. Ele diz que vai levá-la para Abreu conhecer. E falam sobre as obras de saneamento do PAC, com recursos repassados pela Caixa.
À noite, Abreu vibra com o contrato para a construção do edifício digital da Caixa, Cachoeira diz “vamos matar a pau”.
* * *
Deu na Rede Record:
                                   
                             
                               

COISA NOSSA


O assessor estava pensativo em um canto da sala quando Fernando Haddad perguntou: que está acontecendo? Ao que respondeu: jacaré voa? Irritado Haddad respondeu: que estupidez é essa, onde já se viu jacaré voar, tá louco, quem lhe disse isso? O Lulla, respondeu o assessor. Então voa, baixinho mais voa, tem até umas asinhas atrás das perninhas, nunca viu? Argumentou um nervoso Haddad. Esta é a história que cabe aos partidos brasileiros, desfigurados, subservientes e meros passaportes para oficializar candidaturas.
Despojados de personalidade programática, ideológica e de identificação com o eleitor, que os subestimam em prol dos chefes ou caciques, os partidos políticos do Brasil se tornam “cachoeiras” de interesses personalistas e de agrupamentos dos mais escusos interesses. Sem qualquer estrutura de sobrevida própria, ficam a mercê dos chefes políticos mais abastados que os sustentam e, por essa razão, determinam o seu caminhar. As regras partidárias engessam seus movimentos e os colocam inertes e frágeis aos interesses de pequenos grupos dominantes.
É nesse cenário que está em curso a escolha de candidatos as prefeituras por esse Brasil afora. Eles, candidatos, são impostos pelos chefes dominantes, tenham ou não o perfil de homem preparado para administrar o bem público.  A “ficha limpa” veio a reduzir o campo dessa imposição porque são poucos os que a tem e estes, em grande número, não se sujeitarão aos tortuosos caminhos da chefia política. Nesta primeira edição de eleição com a “ficha limpa”, os detentores dela ainda não conseguirão  entender o seu poder de fogo na sua indicação e serão, obviamente, pressionados por cartilhas dos comandantes partidários. O impacto maior se dará nas candidaturas às Câmaras de Vereadores. É lá também que se poderá formar bloco ético e pressionar por governos honestos nas municipalidades. Movimento nesse sentido pode mudar a história política do Brasil em 2014. É possível.
Esta demanda de candidatos “ficha limpa” para 2014 terá seu marco no julgamento do mensalão. Toda artimanha está sendo utilizada para evitar tal julgamento. Querem a todo custo prescrever crimes que tornarão inelegíveis políticos e acompanhantes citados na lide. Até mesmo o ex presidente poderá ser alcançado, dependendo da vontade do Tribunal em estender a busca pelo “fio da meada”. A Justiça luta bravamente contra os obstáculos colocados, inclusive de alguns próprios membros que se utilizam de meios não muito razoáveis e até mesmo imoral, apesar de legal, para postergar a sua ação.
O limiar de uma geração destrutiva de políticos, fortemente estabelecida em grande número após 2003, está prestes a desaparecer no horizonte do mundo da política. É verdade que para isso não bastam apenas às leis. A população tem que entender que sua vida está sendo joguete nas mãos dos detentores do poder. Juros baixos acompanhados de créditos fáceis em momentos críticos da economia mundial são pura compra de voto para as eleições de outubro. O sonho de ascensão social aos poucos está sendo desfeito com a dificuldade de pagar as prestações dos carnês.
O aumento do custo de vida está impondo frustrações à camada social mais baixa e, principalmente, aos ascendentes a classe média criada pelo governo para massagear o ego desse povo sofrido por essas políticas passageiras e enganadoras. O massacre ao setor industrial via tributação, está reduzindo o campo de geração de empregos que hoje está concentrado no setor de serviços que, pela excessiva oferta de mão de obra, comprime salários. A preocupação dos últimos dias com as condições de sobrevivência das indústrias é mero jogo de cena. Não vai reduzir os problemas do setor industrial que além de tudo, sofre com incentivos do governo aos produtos importados.
O crescimento desenfreado de vagas aos estudantes sem o preparo de qualificação da educação leva milhares de jovens ao subemprego, mesmo com diploma nas mãos. Criam-se faculdades até em fundos de quintal, onde não há a menor estrutura para tal, para atender caprichos de candidatos e de eleitores no Congresso Nacional, deputados e senadores, e dos detentores de títulos eleitorais, o povo. É cosa nostra, digo, coisa nossa.
                          
                                

ANOTE UMA NOVA PALAVRA: VANTAJOSIDADE

Caro Cabelo de Ouro,
 
Hoje cedo, assistindo o jornal local, ouvi uma procuradora que investiga uma compra mal feita (pra variar) no serviço público usar a palavra Vantajosidade.
 
Na hora, os meus ouvidos doeram. Nunca havia lido ou escutado alguém usando esse termo.
 
Corri ao dicionário, porque estou sempre disposto a aprender. Mas a palavra não existe no dicionário eletrônico que uso. Fui então buscar no dicionário oficial, ou seja, na página da Academia Brasileira de Letras e, também, não encontrei essa palavra.
 
Por princípio, se não está no Dicionário da Academia, não existe. Assim, fui buscar na Internet e achei o seguinte:
 
“A vantajosidade determinada no artigo 3º da Lei das Licitações espelha basicamente a busca por contratação que seja tanto economicamente mais vantajosa — menor gasto de dinheiro público — quanto que assim o seja qualitativamente, melhor gasto.”
 
Nada contra a invenção de novas palavras e novos termos. A língua tem de ser sempre dinâmica. Mas creio que temos dois dicionários no Brasil: o da Academia e o jurídico!
 
Fica aqui o registro dessa nova palavra inventada a partir do princípio acima e as perguntas:
 
1) Não dá pra usar MAIS VANTAJOSO?.
2) Por que advogado tem mania de falar difícil?
 
Grande abraço





Enviado por e-mail

EM CAMALAÚ

                                                
O ex-prefeito de Camalaú, Aristeu Chaves, que renunciou ao cargo para poder se candidatar a vereador nas próximas eleições, deixou uma marca ímpar registrada no município. Querido por todos e todas, quem visita Camalaú desconfia que até a oposição aprova o seu trabalho. Pode se dizer que é um dos poucos políticos honestos que existem no Brasil.

Jataúba: Pousada para estupradores.


Após dois meses de intensa investigação, policiais civis da Delegacia de Santa Cruz do Capibaribe, Agreste do Estado, conseguiram localizar e prender, na tarde de hoje (20),Robson Rocha da Silva Filho, de 21 anos, acusado de praticar três estupros no município de Santa Cruz do Capibaribe. O primeiro estupro ocorreu no dia 19 de fevereiro contra vítima de 50 anos de idade. No dia 27 de março, o acusado praticou o segundo estupro contra vítima de 18 anos de idade. O último crime em série ocorreu no dia 09 de abril.

De acordo com o Delegado Wagner Volpi, a partir de dados fornecidos pelas vítimas, a polícia conseguiu fazer um retrato-falado de Robson, que foi preso quando caminhava às margens da PE-160.  Apesar de negar os crimes, o acusado foi reconhecido pelas três vítimas.

O acusado foi encaminhado à Cadeia Pública de Jataúba.
 por Adielson Galvão

PRESOS INTEGRANTES DE UMA QUADRILHA QUE ROUBAVA MOTOS



POLICIAIS DA 3ª CIPM PRENDERAM NA MADRUGADA DESTA QUINTA 19/04 
UMA QUADRILHA ESPECIALIZADA EM ROUBOS DE MOTOS
O ALVO ERA MOTO BROZ, MAIS ELES TAMBÉM ROUBAVA OUTRAS .
A QUADRILHA ERA FORMADA POR QUATRO JOVENS SENDO UM MENOR
OS POLICIAIS DA ROCAM,GATÍ , OPERAÇÕES E SERVIÇO RESERVADO
CHEGARAM NOS BANDIDOS ATRAVÉS DE DENÚNCIAS ANONIMA
APÓS FAZEREM CAMPANA EM UM DETERMINADO LOCAL AQUI NA CIDADE
FOI PRESO UM DOS ENVOLVIDOS, EM SEGUIDA FOI CAINDO UM POR UM
COM OS ASSALTANTES FOI ENCONTRADO CINCO MOTOS SENDO DUAS BROZ,
DUAS POP´S E UMA FAN PRETA QUE É DO PAI DO MENOR, O MENOR PEGAVA A MOTO MAIS O PAI NÃO SABIA QUE ELE USAVA PARA PRATICAR ROUBOS
ALÉM DAS MOTOS FOI PEGO UM REVOLVER CALIBRE 38 USADO PARA OS ASSALTOS
OS POLICIAIS ENTREGARAM AO DELEGADO DE PLANTÃO EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE. 

PERNAMBUCO PODE VIVER SECA MAIS GRAVE EM 30 ANOS



Já são 29 cidades em estado de emergência e mais de 300 mil pessoas atingidas

Pernambuco está na expectativa de viver uma das piores secas da história. Diagnóstico do governo do Estado aponta que tem chovido de 50% a 75% menos do que a média histórica dos últimos 30 anos no Sertão e Agreste. Já são 29 municípios em estado de emergência por causa da estiagem. Mais de 300 mil pessoas estão diretamente atingidas pela seca.

Nesta sexta-feira, a cúpula do Executivo estadual se reuniu para consolidar os dados em um documento que será entregue pelo governador Eduardo Campos à presidente Dilma Rousseff em encontro marcado com chefes do Executivo no Nordeste, segunda-feira, em Aracaju, Sergipe.


De acordo com o secretário de Planejamento, Alexandre Rebêlo, o Estado pode reviver os anos de 1983 e 1984, quando enfrentou uma grande seca. “Já há prejuízo na agricultura e pecuária. Vamos fazer esse levantamento para constar no documento que será entregue à presidente”, explicou.

Segundo ele, a ideia do encontro dos governadores do Nordeste com ministros e a presidente é traçar ações e conseguir ajuda do governo federal para enfrentar a estiagem. “Vai ser mostrado à presidente um diagnóstico do que está acontecendo em Pernambuco, principalmente no Sertão e Agreste, que é extremamente grave. Num segundo momento, queremos trazer ações que possam ser implementadas para resolver essa situação. Há dois tipos de ações: uma de caráter geral, que pode atender o Nordeste todo, e outras especialmente para Pernambuco.”

Jota isaias

EDUARDO CAMPOS E GOVERNADORES DO NORDESTE VIAJAM A ARACAJU PARA DISCUTIR A SECA NA REGIÃO



O governador de Pernambuco Eduardo Campos vai participar, na próxima segunda-feira (23), de uma reunião com ministros do Governo Federal e governadores de outros estados nordestinos para discutir a seca na região. O encontro acontecerá em Aracaju. A presidente Dilma Roussef, que não confirmou presença no evento, ligou para o governador nesta quinta-feira (19) para saber as consequências da estiagem no Estado. Em Pernambuco, 28 cidades que sofrem com a falta de chuvas decretaram situação de emergência.

Jota Isaias

NOVA LEI VAIS APREENDER ANIMAIS SOLTOS DAS RODOVIAS DE PERNAMBUCO



Foi sancionada pelo governador Eduardo Campos a Lei 16.625/2012, de autoria do deputado Rodrigo Novaes (PSD), que trata da apreensão de animais criados soltos nas rodovias asfaltadas de Pernambuco. A Lei foi publicada no último dia 17 no Diário Oficial do Estado, de acordo com o site de Alvinho Patriota.

A partir da nova legislação fica disciplinada a criação e circulação de animais de grande porte e que estejam soltos nas propriedades localizadas às margens das rodovias pernambucanas. Animais livres em estradas acarretam risco de acidentes que podem resultar em mortes, principalmente, no Sertão onde a caprinocultura é muito praticada. O deputado Rodrigo Novaes, que é natural do município de Floresta, explica que elaborou o projeto porque os animais soltos nas rodovias têm causado um grande número de acidentes em Pernambuco e era necessário fazer alguma coisa para a situação não continuasse como está.

A lei prevê apreensão dos animais e aplicação de multa no valor de R$ 100 por cada animal apreendido. Os animais poderão ser resgatados pelos proprietários em até cinco dias úteis, caso contrário, serão leiloados. Em caso de reincidência o valor da multa sobe para R$ 300. Resta saber a partir de quando e como será feita a fiscalização.



Jota isaias

HOJE, (21 DE ABRIL), É FERIADO NACIONAL - DIA DE TIRADENTES. QUEM FOI ESTE HOMEM?



Tiradentes foi o  líder da Inconfidência Mineira seu verdadeiro nome era Joaquim José da Silva Xavier. Nasceu na Vila de São Jose Del Rei (atual cidade de Tiradentes, Minas Gerais) em 1746, porém foi criado na cidade de Vila Rica (atual Ouro Preto).

Biografia 


Exerceu diversos trabalhos entre eles minerador e tropeiro. Tiradentes também foi alferes, fazendo parte do regimento militar dos Dragões de Minas Gerais.

Junto com vários integrantes da aristocracia mineira, entre eles poetas e advogados, começa a fazer parte do movimento dos inconfidentes mineiros, cujo objetivo principal era conquistar a Independência do Brasil. Tiradentes era um excelente comunicador e orador. Sua capacidade de organização e liderança fez com que fosse o escolhido para liderar a Inconfidência Mineira. Em 1789, após ser delatado por Joaquim Silvério dos Reis, o movimento foi descoberto e interrompido pelas tropas oficiais. Os inconfidentes foram julgados em 1792. Alguns filhos da aristocracia ganharam penas mais brandas como, por exemplo, o açoite em praça pública ou o degredo.

Tiradentes, com poucas influências econômicas e políticas, foi condenado a forca. Foi executado em 21 de abril de 1792. Partes do seu corpo foram expostas em postes na estrada que ligava o Rio de Janeiro a Minas Gerais. Sua casa foi queimada e seus bens confiscados.

Conclusão : Tiradentes pode ser considerado um herói nacional. Lutou pela independência do Brasil, num período em que nosso país sofria o domínio e a exploração de Portugal. O Brasil não tinha uma constituição, direitos de desenvolver indústrias em seu território e o povo sofria com os altos impostos cobrados pela metrópole. Nas regiões mineradoras, o quinto (imposto pago sobre o ouro) e a derrama causavam revolta na população. O movimento da Inconfidência Mineira, liderado por Tiradentes, pretendia transformar o Brasil numa república independente de Portugal.

Para saber mais sobre Tiradentes:

Assista o Filme :
Os Inconfidentes . Joaquim Pedro de Andrade. Brasil, 1972

Leia os Livros :
BENTES, Ivana. “ Independência ou Morte ”. Joaquim Pedro de Andrade: a revolução intimista. Rio de Janeiro : Relume-Dumará, 1996.
BERNADET, Jean-Claude. “O caso Tiradentes: notas ”. Piranha no mar de rosas . São Paulo: Nobel, 1982. RAMOS , Alcides Freire. “ A conjuntura política (1964-1972) e Os inconfidentes ”.  Canibalismo dos fracos : cinema e história do Brasil. São Paulo: Edusp, 2002.

Jota isaias

POLÊMICA: ESPECIALISTAS DIZEM QUE MATRICULAR CRIANÇAS MENORES DE SEIS ANOS É UMA VIOLÊNCIA


Foto: Reprodução


Decisão judicial autoriza o ingresso de crianças no 1º ano mediante uma avaliação

Na última semana, uma decisão judicial causou polêmica entre pais, educadores e especialistas de educação infantil. 

De acordo com a liminar do juiz federal Claudio Kitner, da 2ª Vara da Justiça Federal em Pernambuco, crianças menores de seis anos podem cursar a primeira série do ensino fundamental, desde que comprovada a sua capacidade intelectual por meio de uma avaliação psicopedagógica feita pela escola. 

Para especialistas, a decisão pode causar prejuízos para o desenvolvimento da criança que, antes dos seis anos, não está pronta para se adaptar à estrutura escolar do ensino fundamental. 

Beatriz Gouveia, especialista em educação infantil e coordenadora de projetos do Instituto Avisa Lá, em São Paulo, defende que os pequenos precisam de espaço e tempo adequado para se desenvolver. 

— Inseri-los no ensino fundamental é uma violência, porque o sistema é focado na alfabetização e não é feito para os pequenos. No 1º ano, eles não terão chance de brincar, desenhar e viver as experiências que só a pré-escola e a creche proporcionam. 

Em sua decisão, o juiz Kitner acatou o argumento do procurador da República Anástacio Nóbrega Tahim Júnior, de que as regras do CNE (Conselho Nacional de Educação) "ferem o princípio da isonomia, já que não consideram as peculiaridades de cada criança" e destacou que as resoluções anteriores "maculam a dignidade da pessoa humana, ao obrigar crianças que não se incluam na faixa etária definida no critério das destacadas resoluções a repetirem de ano, obstando o acesso ao ensino fundamental, nível de ensino mais elevado, ainda que seja capacitado para o novo aprendizado". 

Entretanto, nesta sexta-feira (20), o MEC (Ministério da Educação), afirmou que vai recorrer da decisão por meio da AGU (Advocacia-Geral da União). 

Para Andrea Rapoport, doutora em psicologia e autora do livro A Criança de 6 Anos no Ensino Fundamental, a decisão de adiantar a escolaridade da criança não pode se basear apenas no desenvolvimento intelectual, ou seja, na sua capacidade de assimilar os conteúdos escolares, como ler e escrever. 

— É claro que existem crianças que aprendem mais rápido. Mas isso não significa que elas estejam emocionalmente prontas para ficarem sentadas na sala de aula aprendendo a escrever. Essa decisão fere os princípios da infância. 

Andrea acredita que muitos pais não reconhecem a importância da infância e consideram um benefício ter os filhos na escola antes do tempo. 

— Se a criança entrar na escola antes do tempo, também terá que fazer o vestibular antes e, consequentemente, precisará decidir seu futuro ainda no ápice da adolescência. Isso pode resultar em adultos despreparados, que foram colocados muito cedo em uma dinâmica competitiva. 

Para Regina Scarpa, especialista em alfabetização e coordenadora da Fundação Victor Civita, a avaliação de aprendizagem proposta pelo juiz para que as crianças entrem na escola pode dar margem a fraudes. 

— Um parecer de psicopedagogo sobre o nível cognitivo da criança é muito subjetivo e dá margem a irregularidades na própria avaliação, que pode ser mal formulada para que a criança entre na escola antes do tempo.

Política – Reunião entre partidos de oposição apimenta cenário político de Jataúba


Reportagem de Roberval Júnior para Jornal Correio Jataubense - Aconteceu ontem, 19/04/2012, na sede da orquestra filarmônica de Jataúba, uma reunião política entre os partidos PC do B, PRTB, PT e PR, onde foram debatidos diversos temas, assim como também algumas estratégias que serão adotadas na campanha para o pleito 2012.

Compareceram à reunião, além do presidente municipal do PC do B, Euzébio Sena de Melo, os pré-candidatos a vereador pelo partido, Srs. Júnior Siqueira, Michael e Roberval dos Correios. Pelo PRTB compareceu Adriana Cordeiro e comitiva. Adriana que é esposa do Pr. Joanes Silva,  presidente municipal do partido. Pelo PT compareceu o vereador Furibinha, que é pré-candidato à Prefeito e presidente municipal do partido, e o Dr. Paulo Spynelle. Já Pelo PR compareceu o Irmão Lucas.

Um dos temas abordados foi a indicação de um ou mais nomes destes partidos para compor a chapa majoritária municipal, como pré-candidato a vice-prefeito, onde ficou acertado que no prazo de uma semana os partidos, de posse destes nomes, marcariam uma nova data para apresentá-los.

O PC do B também se reunirá nas próximas semanas com os pré-candidatos a prefeito Furibinha e Fábio Mamão.

sexta-feira, 20 de abril de 2012

                               

Luz no fim do túnel: Células-tronco podem procurar e matar o HIV dentro do corpo humano


Células-tronco humanas podem ser geneticamente modificadas para atuarem como verdadeiros soldados na luta contra o HIV.
"Brotamento" de HIV a partir de células do tecido humano.
  A descoberta, feita por cientista da UCLA, espera partir para o próximo passo, tentando erradicar completamente os vírus em um pacienteinfectado.
  Existem muitas vacinas e medicamentos que retardam o progresso da doença, diminuindo a taxa de vírus no corpo ou retardando a sua proliferação. A nova terapia promete ir além de tudo isso. Alguns pesquisadores já usam o termo “cura” caso a técnicaconsiga realizar o que for programado.
O estudo, publicado dia 12 de abril na PLoS ONE, demonstra pela primeira vez que as células estaminais frutos da engenharia biológica podem detectar e destruir os vírus do HIV em tecidos vivos.
Acreditamos que este estudo estabelece as bases para o uso potencial desse tipo de abordagem no combate à infecção pelo HIV em indivíduos que já foram infectados, sendo uma esperança de erradicação total do vírus do corpo”, comentou o pesquisador Scott Kitchen G.
  Os cientistas usaram células chamadas linfócitos T CD8, denominadas genericamente de “assassinas” para ajudarem na luta contra o HIV, identificando moléculas que orientam a célula T no trabalho de reconhecimento e destruição das células infectadas pelo HIV.
No entanto, estas células T, enquanto capazes de destruir células infectadas pelo HIV, não existem em quantidade suficiente no corpo humano para conseguir eliminar todos os vírus.
Assim, os pesquisadores clonaram os receptores e utilizaram manipulação genética das células estaminais humanas do sangue. Em seguida, colocaram as células-tronco derivadas da bioengenharia no tecido humano que foi implantado em ratos, permitindo-lhes estudar as reações de um organismo vivo.
Os cientistas também descobriram que o HIV consegue reconhecer os receptores específicos das células T adaptadas, do mesmo modo que um órgão se comporta em situações de transplante.
No presente estudo, os investigadores projetaram igualmente células-tronco humanas e descobriram que elas podem formar células T maduras com potencial de atacarem o HIV nos tecidos vivos.
  Em uma série de testesperiféricos com plasma sanguíneo de camundongos, realizados por mais de seis semanas, verificou-se que o número de células T coligadas com CD4 se esgotou completamente, enquanto os níveis de HIV no sangue diminuíram.
Acreditamos que este é o primeiro passo no desenvolvimento de uma abordagem mais agressiva na correção dos defeitos nas respostas de células T humanas que permitem que o HIV persista em pessoas infectadas”, comentou Kitchen.